Home Curiosidades Grandes fracassos de engenharia que pagaram caro demais

Grandes fracassos de engenharia que pagaram caro demais

Curso Desenvolvimento de Games

Vídeo sobre Grandes fracassos de engenharia que pagaram caro demais. Como diziam os antigos romanos, “Errar é humano”.
Não há ninguém neste mundo que não cometa erros, mas algumas pessoas são muito azaradas!
Devido a isso, até hoje alguns erros já causam enormes quantidades de danos e, às vezes, até mesmo vitimas.
Pessoal, hoje vamos falar sobre algumas histórias de erros e fracassos.

Falha no lançamento do foguete Ariane 5
Em 4 de junho de 1996, o foguete Ariane 5 da Agência Espacial Européia, que ficou em desenvolvimento por muitos anos, foi lançado pela primeira vez da base de lançamento em Kourou, na Guiana Francesa.
Neste lançamento, havia a missão de transportar vários satélites para investigar o campo magnético da Terra e colocá-los em órbita.
O tempo estava limpo e não havia sinais de problemas.
Os primeiros 36 segundos após o lançamento foram sem incidentes, mas depois o foguete se desviou repentinamente do curso se se despedaçou e começou a cair.
Em seguida, 40 segundos após o lançamento, o foguete explodiu a uma altitude de cerca de 4 km.
Felizmente, não houveram vítimas, mas o prestígio da tecnologia européia foi severamente prejudicado.

O acidente de Three Mile Island
O acidente da usina nuclear de Three Mile Island, ocorrido em 28 de março de 1979, ainda é considerado o pior acidente da história da energia nuclear comercial nos EUA.
Uma grande parte do núcleo do reator sofreu uma fusão, e Harrisburg, a capital da Pensilvânia, estava prestes a experimentar o mesmo destino que Pripyat sofreu sete anos após este acidente.
Felizmente, o evento foi evitado, mas o país inteiro foi mergulhado num estado de medo, e o resto do mundo ficou em igual incerteza.
Logo após o acidente, foi realizada uma investigação minuciosa para determinar a causa.
Os resultados revelaram que foram dois pequenos erros que causaram uma série de acidentes quase catastróficos.
Horas antes do acidente, uma das tubulações havia ficado bloqueada e foi feita uma tentativa de “explodi-la” com uma mistura de água e ar comprimido.

O desabamento do Lotus Riverside
Em 2009, fotos de um prédio residencial que havia caído em Xangai (Shanhai), China, estamparam manchetes em todo o mundo.
Tudo era tão impressionante que parecia que um gigante havia puxado o edifício do chão e o colocado exatamente deitado do lado.
Este é um complexo de apartamentos chamado Lotus Riverside Garden, e vocês podem notar que o prédio em si foi construído de forma tão solida para que não desmoronasse mesmo que tombasse de lado assim.
No entanto as fundações do prédio ficaram desta maneira…
De acordo com a opinião pública, a causa do desabamento do condomínio foi um erro cometido durante a construção do estacionamento subterrâneo.
O solo da escavação subterrânea foi despejado em uma margem de rio próxima, que desabou sob o peso do solo.

O incêndio de Cerro Grande
Em 2000, uma vasta área do Novo México foi envolta em chamas.
Aproximadamente 400 famílias foram afetadas e perderam suas casas devido ao incêndio.
O fogo era tão forte que se aproximava do Laboratório Nacional de Los Alamos, onde resíduos radioativos eram enterrados no subsolo.
O mundo inteiro estava num estado de medo de que material radioativo fosse liberado para a atmosfera.
Felizmente, os medos não se concretizaram, mas vários edifícios dentro do instituto foram danificados pelo fogo.
De acordo com o que foi revelado, a causa do incêndio foi um pedido da administração do Monumento Nacional de Bandelier que fica perto de Los Alamos para proteger o patrimônio cultural da região.

Queda de bombardeiros caros
Em 23 de fevereiro de 2008, um B-2 Spirit, o mais avançado bombardeiro estratégico da Força Aérea Americana, caiu logo após a decolagem.
O acidente ocorreu na Base Aérea de Andersen, na ilha de Guam.
Felizmente, nenhum acidente foi relatado, pois os dois pilotos foram capazes de ejetar com segurança.
Mas foi a primeira vez que uma aeronave que custou mais de um bilhão de dólares despencou!
Embora muitos inicialmente tenham culpado o piloto pelo acidente, a investigação do acidente revelou que a culpa não foi do piloto.
O problema era o sensor de pressão de ar, mas o que era mais precisamente o problema era que o sensor em si não tinha sido testado.

Rompimento da barragem Oroville Dam
A barragem de Oroville Dam foi construída no Rio Feather, na Califórnia.
Sofreu e resistiu a muitos desastres naturais, incluindo a grande inundação de dezembro de 1964.
É lamentável, mas os acontecimentos provaram que a loucura humana é mais perigosa do que qualquer inundação.
Tudo começou em 2013 quando o canal de drenagem da represa de Oroville rachou e precisou ser reparado.
Como resultado dos reparos, o lote foi consertado, e nos anos seguintes foi esquecido que isto tinha acontecido.
Foi somente em 2017 que ocorreu o desastre, quando a saída do canal de drenagem se rompeu repentinamente, após a fenda ter sido identificada e supostamente reparada quatro anos antes.


Vídeo por: PIPA

Curso de Desenho Método Fan Art

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Please enter your comment!
Please enter your name here